Entre para seguir isso  
Gnux

Memorizar Ativar e Desativar o Start-Stop (Circuito)

Recommended Posts

Muitos aqui tem a mesma agonia de o botão Start-Stop não memorizar sua escolha de Ativar/Desativar ao desligar o carro.

Enfim, um cidadão resolveu fazer um DIY de um circuito simples de memorizar esta função e colocou no carro dele, no tópico que irei colocar abaixo tem todo o diagrama, lista de componentes, e aparentemente fácil de realizar, porém requer um pouco de eletrônica e solda.

 

http://www.vwwatercooled.com.au/forums/f197/golf-mk7-auto-start-stop-disable-switch-who-wants-help-108932.html

 

Vídeo do circuito funcionando:

 

Fantástico.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Bacana, mas parece que tem como fazer memorizar usando VCDS...

Acho que não... o que sei que dá pra fazer no VCDS é desabilitar de vez, e há vários métodos pra isso. Mas até onde sei não há nenhum que memorize o último estado (seria o ideal...) ou que defina o default para OFF.
Abraço

Enviado de meu SM-G935F usando Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Confirmando o que o @RicW falou acima, não tem como, o que da para fazer é enganar o carro apenas, isso claro em todas formas que encontrei.

Agora esse circuito que o cara fez com esses componentes baratos foi algo que me chamou atenção, e como queria isso no meu carro.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 horas atrás, RicardoCWB disse:

Tem razão, pelo VCDS só engana mudando aquele parâmetro que indica "consumo alto de bateria" e o start-stop não liga mais.

Tem a forma de alterar o consumo da bateria, e tem a da temperatura do não sei o que lá, kkkk... São as formas que conheço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, bom dia.
Não sei se funciona, outro dia tentei achar as opções no VCDS mais não achei.
Eu uso o OBDELEVEN para fazer as alterações, talvez seja por conta disso.
Mais caso alguém queira tentar fazer com o cabo e dar um feedback, seria de grande ajuda.

ca616b7ccedb1c6a52730a4cd90ab330.jpg


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Conteúdo Similar

    • Por iCardeX

      Esta semana, e aos 85.177km, e seus 27 meses de trabalho, o motor do meu Golf TSI de origem alemã "parece", que finalmente quebrou. Em média o veículo roda 120km/dia, e raramente estou preso em algum engarrafamento. Na última quarta-feira, 03/02/2016, 14 minutos após a partida do motor, já em velocidade de cruzeiro a cerca de 100km/h, o motor começou a perder força repentinamente, desativando o piloto-automático e mostrando, em seguida, o aviso de "Error: Start-Stop" no computador de bordo. Os sintomas observados, antes do desvio para a entrada na pista de acostamento foram:


       


      a..) perda da resposta e capacidade de aceleração.


      b..) oscilação do giro do motor variando abruptamente entre 800@2500rpms


      c..) perda abrupta de força e torque do motor.


      d..) Entrada no modo de condução de emergência limitando a velocidade máxima para algo em torno de até 60km/h.


      e..) alternação de acedimento da luz EPC.


       


      Embora, eu estivesse a 30 minutos do centro de brasília, em local de fácil reconhecimento e acesso, o guincho levou cerca de 3 horas para me resgatar. Fato que transferiu para o dia seguinte a procura de solução do problema no concessionário autorizado. Na quinta-feira, pela tarde, o mecânico do concessionário me ligou informando que confirmaram as falhas do motor, porém, e inexplicavelmente, quando mandaram zerar a leitura de erro e avarias para realizarem novos testes de condução o veículo retornou ao seu pleno funcionamento. O código de avaria registrado anteriormente foi anotado e enviado para o tratamento da VW. Em seguida, o veículo foi colocado para teste de condução, com o piloto de testes do concessionário, percorrendo cerca de 70km sem apresentar qualquer anormalidade de funcionamento. Eles não entenderam o que pode ter ocorrido. Estive no concessionário, ainda na quinta-feira, para coletar informações sobre o andamento do reparo, no entanto, e embora o veículo estivesse em pleno funcionamento, foi recomendado que eu não retirasse o mesmo pois o problema estava em tratativa pela engenharia da VW e isso poderia prejudicar os termos de garantia do motor justamente por conta do registro de chamado de reparo em aberto. Segundo o mecânico, em outro caso parecido eles tiverem que trocar a "bomba de alta pressão de combustível" para sanar o problema, porém, e naquele caso, o veículo apresentava falha contínua de funcionamento antes de adotarem a solução. No meu caso ficou complicado o diagnóstico porque a avaria não manifestou novamente após o zeramento.


       


      Enfim, andei pesquisando por aí, e encontrei diversos casos análogos aos vividos por mim (falha de motor, falha de aceleração, giro intermitente) que afetaram justamente motores TSI da Vw e Audi (Na Europa, Estados Unidos e Brasil). 2 possíveis soluções são apontadas:


      a..) troca da bomba de alta pressão e bicos injetores


      Ou


      b..) troca do sensor de vácuo do ABS


       


      É uma falha muito grave porque colocou a condução do veículo em condição de risco. No meu caso, se fosse uma situação de ultrapassagem as consequências seriam imprevisíveis visto que eu perdi o feedback da resposta de força, com a perda drástica de cerca de 90% da potência do motor, e instantaneamente.  Não adiantou reduzir as marchas ou afundar o pedal do acelerador. No acostamento eu não conseguia arrancar o veículo, e tive bastante  dificuldade para tentar alcançar 50km/h.  Preferi mandar guinchá-lo ante arriscar a condução com o veículo nessas condições. Eu havia até marcado uma viagem de carro para este carnaval mas fiquei com receios da falha do motor, e acabei por desistir.


      Para fins de conclusões precipitadas:  o veículo está com as revisões em dia, a média observada de consumo do tanque era de 17,6km/L, (abastecido 97% das vezes no mesmo posto desde 0km). Geralmente eu adoto uma direção mais defensiva e tranquila, e costumo sempre tentar alcançar os 110km/h. Ele havia rodado exatos 170km (após o abastecimento completo do tanque), em 3 dias,  até o momento da apresentação de  falha.