Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 08/26/20 in all areas

  1. 7 points
    Boa noite! Tenho um golf 13/14 com 58000 km rodados e todas as revisões feitas na css e no mês de julho meu carro apresentou o problema da meca em uma viagem. o carro foi levado para a css e após 20 dias a volks liberou o reparo em "cortesia". Mais antes disso a fábrica já havia negado o reparo duas vezes, e só após eu relatar o problema no "reclame aqui" e mandar um e-mail direto para a fábrica na Alemanha que eles entraram em contato comigo para solucionar o ocorrido. Segue o relato feito na reclame aqui. https://www.reclameaqui.com.br/volkswagen/defeito-oculto-mecatronica-dq-200-golf-tsi_p_c2q2JOH21yJM1D/ Abraços
  2. 4 points
    Notivago

    Quebra da Mecatrônica DSG7

    A galera mais antiga aqui me conhece, mas tenho andado muito ausente, principalmente depois que vendi meu Golf. Mas diante do que li aqui hoje me senti obrigado a me manifestar sobre alguns aspectos. Em primeiro lugar, o Golf 7 é um carro maravilhoso. O melhor que já tive e um dos melhores que já dirigi na vida. Hoje tenho um Civic Touring, que é um ótimo carro, tem várias qualidades, mas perde pro Golf em muitos aspectos (quem quiser detalhes sobre a comparação eu posso dar). Comprei meu Golf Highline mexicano 2014/2015 zero km em agosto de 2015 e passei muito tempo lendo tudo que podia sobre o câmbio e os defeitos relacionados, e isso me angustiava bastante. Lembro que teve uma época em que eu zerei todos os tópicos aqui do fórum sobre defeitos do DSG e ainda procurava conteúdos diversos sobre o assunto em sites nacionais e estrangeiros. Depois percebi que isso estava me fazendo mal, gerando angústia, e ainda por cima impedindo que eu desfrutasse de um puta carro. Certa feita li algo de algum colega aqui no fórum (acredito que tenha sido o Jorge Jox) sobre isso, recomendando que a galera desopilasse e aproveitasse. E foi o que eu fiz. Passei então a curtir o carro, viajar pra onde tinha vontade, em todo tipo de estrada, no modo de condução que tinha vontade, na velocidade e jeito que eu queria e o resultado foi que aproveitei e curti meu carro por quase 5 anos e 100 mil km e nunca tive problemas. Lembrava sempre de Cardex (dono do primeiro Golf que chegou aos 100k aqui no fórum) falando que o carro era pra usar e era assim que ele fazia com o dele. O DSG jamais apresentou qualquer defeito. Em todo este tempo o único defeito que o carro apresentou foi a queima de uma bobina aos 8 mil km, quanto tinha apenas 4 meses de uso. A única coisa que dei ao carro em contrapartida foi manutenção preventiva de qualidade, nos estritos termos recomendados pela VW. Posso resumir então que o Golf é um carro que tem muito mais satisfação para entregar do que preocupação, é delicioso de dirigir e passa muita confiança. Eu costumava pegar estrada e a sensação era de estar jogando Gran Turismo em um imenso simulador, só que melhor. Então, para quem está na dúvida se compra o carro, vá ser feliz. O Golf 7 é uma obra prima da mecânica e você não vai achar nada parecido pelo preço no mercado. Agora claro que não é barato e como todo produto caro e de qualidade, possui um custo intrínseco e de manutenção mais caro. Quando você compra um carro de 30 mil reais e precisa trocar um farol, você compra um farol para um carro de 30 mil reais; quando você tem um carro de 150 mil reais e precisa comprar um farol, é um farol de um carro de 150 mil reais que vai comprar. O custo da manutenção é sempre proporcional ao custo do carro novo. Agora comprar um produto já achando que ele vai quebrar é complicado, pois vai comprometer o próprio uso que você vai fazer do carro e satisfação que vai ter. Por fim, quanto aos defeitos nas mecatrônicas, além da minha opinião enquanto usuário, vou deixar a minha de advogado: a meu ver alguns lotes iniciais deste câmbio têm um vício oculto, que a VW certamente sabe o que é, mas que por algum motivo - provavelmente econômico - preferiu não fazer um recall, e é este o motivo que tem levado a VW a trocar estas peças em cortesia após a expiração da garantia. Exatamente por isso a meu ver não pode a VW limitar esta substituição a 100 mil km ou 5 anos, como o colega relatou acima que parece estar acontecendo. A todos os que estiverem nesta situação eu recomendo que façam o que eu faria se acontecesse comigo: recorrer à justiça, pois a chance de êxito é bem significativa, desde que, claro, as manutenções regulares estejam bem documentadas. Então, meu depoimento vem como um atestado de satisfação. Meu carro nunca apresentou qualquer defeito no câmbio e é bem provável que o seu também não apresente. Além do mais, os câmbios defeituosos já devem ter sido reparados em 90% dos casos, de modo que, quem adquirir o carro de segunda mão, se foi proveniente de um lote desses, já deve ter tido a mecatrônica trocada. Inclusive o pessoal que cuidava do meu carro na CCS sempre falava que os DSG que apresentavam defeito normalmente o faziam antes de 40, 50 mil rodados. Fica meu relato. No mais, saudações a todos. P.S. Vi um pessoal acima discutindo se os mexicanos possuíam roda livre quando no modo ECO. O meu era mexicano e tinha, embora eu não usasse muito.
  3. 4 points
    iCardeX

    Gasolina

    Tive o par de discos de freio dianteiro condenados no Concessionário autorizado, numa revisão esporádica dos 60.000Km. Sujeito "profissional" condenou o disco apenas examinando "no olho". Par de discos, que em 2015 custavam R$ 1.800,00. Até ai tudo bem.... só que exigi o teste de espessura comprovada via micrõmetro. Meu irmão, que novela!!! Quase 30 minutos para essa ferramenta aparecer. Tem que falar com meia dúzia de pessoas, enfim, uma burocracia do caralho. Pensei que fosse feramenta forjada em ouro 18 quilates, cravejado de diamantes, e ainda com um microchip desenvolvido pela Nasa. Quando finalmente a ferramenta pareceu e o mecânico do concessionário autorizado fez a mensuração na minha frente, ele ficou todo sem graça, porque segundo o manual técnico, faltava cerca de 60% de desgaste para ser necessária a troca do disco. E eu falando: Qual é o problema de discos e das pastilhas, se está tudo dentro dos conformes técnicos, e não tenho dificuldade nenhuma para freiar o carro. Salvo engano, o par de discos foi trocado somente na futura revisão dos 120.000Km, ou seja, quase 2 anos depois do diagnóstico. E só troquei porque começou a fazer um barulho chato, porque sequer tinha comido até o limite do sensor presente nele. Por essas e outras é que é difícil acreditar em mão obra especializada do concessionário autorizado, e de qualquer lugar. Torquímetro, não tem muitos anos que descobri que existia no concessionário autorizado. Outra novela para que fosse utilizada essa ferramenta nos parafusos do meu carro... Como alguns sabem, sou profissional da área de T.I, mas não sou “barato”. O que mais encontro, aqui nas empresas do DF, são cenários assim: Mas pergunta quantos clientes querer pagar o valor justo, e abandonar esses profissionais que praticam serviços suínos. E deixar a infra-estrutura assim? Só me chamam quando a bomba estoura de vez...
  4. 3 points
    Prezados, Após 6 anos com meu golf a mecatrônica resolveu falhar depois de 80mil km rodados. Como esperado, tanto a concessionária como a fábrica se recusaram a realizar a troca/reparo sem custos. Enquanto recorria administrativamente e o carro ficou parado na oficina sendo testado, fiz extensa pesquisa judicial para descobrir a viabilidade de acionar a VW para obrigá-los a realizar o conserto ou troca da mecatrônica sem custos. Pelo meu estudo tenho certeza que as probabilidades de êxito são enormes, pois já existe perícia judicial comprovando que a mecatrônica está livre de desgastes naturais e/ou seja sujeita ao mau uso, o que implica em dizer que a quebra da mecatrônica é decorrente de falha no projeto/construção, ou seja, sua falha/quebra é um vício oculto ao consumidor. Sendo um vício oculto, a despeito de eventual término da garantia, a VW tem de arcar com a troca/reparo, não importando em que data houve a falha ou quebra da mecatrônica. Assim, aqueles que tenham arcado com os custos desse serviço tem direito a serem ressarcidos, conforme preconiza o Código de Defesa do Consumidor. Diante do meu desapontamento e dos transtornos que passei com a fábrica estou disposto a ajuizar o máximo de ações possíveis. Quem tiver necessidade ou interesse nessa ação judicial para recuperar os valores gastos com troca/reparo da mecatrônica pode entrar em contato comigo. Obs: A tese se aplica apenas a veículos que não tenham sofrido alterações na parte eletrônica. Rodrigo Alcoforado Jordão OAB/DF n. 33.850 jordao.rodrigo@gmail.com
  5. 3 points
    caio cartaxo

    Pastilhas

    Eu pessoalmente não gosto de fraslee, as que usei já eram barulhentas e soltavam mta sujeira. Gosto particularmente das Brembo e das Bosch(acho que até mais das bosch, que tem um comportamento mais parecido com as originais), não são as mais baratas, mas freio é algo que não gosto de economizar. No que tange aos discos, os Freemax nacionais achei bem honestos, preço bom e boa qualidade(não troquei disco no Golf ainda, no meu carro anterior tive essa boa experiência)
  6. 3 points
    Nightrider

    TROCA DE BATERIA

    Prezados, boa noite. Deixo aqui meu breve relato. Depois de pouco mais de 6 anos de bons serviços prestados, a bateria do meu Tsi 2014 deu sinais de cansaço e se aposentou. Coloquei em seu lugar uma EFB de 72Ah da Heliar, que foi trocada com o veículo desligado, conforme sugerido pelos mestres do fórum. Surgiram os erros previstos no painel, que foram desparecendo logo depois de andar um pouco com o carro. Também efetuei o giro da direção para o fim do curso em cada lado. Paguei R$ 640,00 aqui em BH. Abraços a todos.
  7. 3 points
    iCardeX

    TROCA DE BATERIA

    Tua preocupação pode se tornar uma dor cabeça, se queimarem algum módulo eletrônico do teu carro, justamente por executarem o procedimento que é ridículo de simples (correto), mas de forma tão “equivocada”. Teve um sujeito aqui no fórum que relatou que o sensor dos airbags foi permanentemente danificado depois que trocaram a bateria do Golf dele. Detalhe: fizeram com motor ligado e essa chupeta maluca. Pergunta pra quem ficou o prejuízo...
  8. 3 points
    Fernando Bardamu

    MECATRÔNICA CAMBIO DSG

    Quem tiver a "cortesia" negada pela concessionária pode fazer o reparo por fora e buscar o ressarcimento na justiça. Se o advogado fizer uma boa pesquisa neste fórum e juntar matérias da imprensa especialilizada, demonstrando a altíssima incidência de problemas no câmbio e explorando o fato de as concessionárias terem concordado no passado em fazer o reparo sem custos fora da garantia, ou com pagamento apenas da mão-de-obra (essa "cortesia" nada mais é que uma admissão de culpa por parte da VW, que teria muita dificuldade em justificar esse comportamento contraditório de negar o reparo agora), acho que há boas chances de sucesso. Pode demorar, mas uma hora o prejuízo será coberto, e com juros.
  9. 2 points
    Finalmente, o serviço completo! Meus parabéns. Se o problema do DSG fosse comigo, eu também iria para as últimas consequências dos fatos contra a VW.
  10. 2 points
    Por fora é pouco coisa a mais do que isso. A questão a manutenção é complicada. Estes dias eu ganhei cortesia da VW para trocar meu retrovisor ( light assist) que custou 5k, e eles olharam para ver se a manutenção estava certinho Enviado de meu VOG-L29 usando o Tapatalk
  11. 2 points
    Amigo, quando decidi trocar de carro estava cego pelo Polo, por ser um carro mais novo e que apresentava várias tecnologias, mas após andar num Golf Highline e ver que a diferença de preço não era tão grande, não tem nem comparação!
  12. 2 points
    Jorge Jox

    Quebra da Mecatrônica DSG7

    Esse câmbio foi banido pela Audi e pela VW do Brasil. Isso não é todo o mundo. Fora de linha aqui. O serviço de reparo desse câmbio na VW é uma fortuna, uma vergonha. Só tem duas opções: substituição da mecatrônica ou a caixa (câmbio e embreagem). Donos desse tipo de transmissão, como eu por e exemplo, ficaram órfãos no Brasil. Se um dia eu tiver um problema nesse conjunto, vou gastar uma grana que nunca vou recuperar na venda do carro. O câmbio tem vício do produto e nunca foi tratado dessa forma pela montadora. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  13. 2 points
    Gualicho77

    [Tutorial] Atualização GPS

    Bom dia, sou novo no grupo, comprei recentemente um Golf GTI 2015 e com a ajuda do Fórum consegui atualizar hoje meu GPS. Vou deixar meu depoimento aqui pois passei por inúmeras dúvidas que estão no tópico e fui resolvendo aos poucos. 1 - Primeiramente tive que comprar um Cartão SD da Volkswagen que achei no Mercado Livre R$105,00 com Frete Grátis: Link: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1302861169-cartao-sd-gps-multimidia-original-volkswagen-3g0919866at-_JM#position=6&type=item&tracking_id=1efb6505-325a-4c54-b21c-b39366f43e9c 2 - Apenas recebi o Cartão SD do Mercado Livre, coloquei no carro, e infelizmente não deu nenhum tipo de sinal de ler os mapas. 3 - Entrei no fórum e fiz o procedimento de baixar o mapa do arquivo com atualização de 2020 direto do site da Volks (Arquivo P57_N60S3MIBS2_ROW_NT) Link: https://vw-maps-cdn.lighthouselabs.eu/vw-maps/P57_N60S3MIBS2_ROW_NT.7z 4 - Fiz o download e descompactei com o WinRar, assim que descompactei entrei na pasta Markets e apaguei todas as pastas MENOS a pasta MSA 5- Fui tentar apagar todos os dados do Cartão SD comprado (Que veio lacrado e com embalagem original da VW) e Me deparei também com o problema mencionado por outros usuários de cartão bloqueado para gravação, tentei com outro cartão SD normal e apareceu a mesma mensagem, tentei bloqueando e desbloqueando a trava do cartão mas continuava a mesma coisa. 6 - Coloquei o cartão num leitor de cartões universal que eu já tinha e que paguei R$10,00 num camelô, funcionou perfeitamente a opção de gravação, portanto cheguei à conclusão de que poderia ser um problema no leitor de cartões no notebook mesmo. 7 - Com o cartão já apagado e sem formatar, copiei a pasta Markets e o arquivo .TXT para o cartão e coloquei ele no carro 8 - Funcionou perfeitamente com a versão atualizada para 2020 e funciona tanto no SLOT1 como no SLOT2 9 - Para finalizar fiz o mesmo procedimento no meu outro cartão SD (genérico) e realmente o sistema não aceita, portanto se precisarem podem comprar esse cartão no link do mercado Livre R$105,00 com Frete grátis. Agradeço a todos pelas dicas. Espero poder agora fazer algumas modificações via VCDS e se alguém pudesse me ajudar agradeço. Estou com um Cabo Emprestado daquele AZUL KKL WAG-COM - 409.1 e queria saber se é compatível ou deveria arrumar outro cabo USB. e Qual seria a versão do VCDS e link se possível para Download Sou de Curitiba e se tiver algum grupo de Whatsapp seria legal participar também. Abraço Andrés
  14. 2 points
    Jorge Jox

    Pastilhas

    Discos novos vêm com as superfícies planas. Discos gastos apresentam superfícies irregulares e as pastilhas acamadas conforme esses desgastes. Ao aplicar as pastilhas usadas nos discos novos, provavelmente não terás a capacidade máxima de frenagem do sistema. Terás que rodar algumas centenas de quilômetros para elas se acamarem aos novos discos. De qualquer forma, em média, com pastilhas novas, num uso civil, precisará de rodar aproximadamenteuns 200km para ter 100% da frenagem do conjunto. Eu trocaria todo o conjunto, para ter o desgaste dos discos de forma linear desse o início. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  15. 2 points
    Jorge Jox

    Gasolina

    Infelizmente temos uma mão de obra de baixa qualificação em boa parte das concessionária. Seria leviano da minha parte dizer que são em todas. Mas até hoje nunca estive diante de um profissional de concessionária que me passasse confiança quanto a capacidade técnica. Somente duas vezes daria uma nota 10 em serviços Um serviço de pintura num Nissan Tiida que tive. Minha vizinha bateu no meu carro. Consertado pela seguradora, o carro foi levado para a Nissan, a troca do paralamas dianteiro e a pintura foi realizada numa oficina da Fiat de Botafogo, Rio de Janeiro. Isso mesmo, Fiat, esta concessionária pertencia ao dono da concessionária da Nissan. O serviço ficou 100%. Eu não acreditei! Por dias procurava defeito no sol e nunca achei. Pintura metálica perfeita com o acabamento de fábrica. O outro 10 foi para a revisão feita no carro. Nissan Dara de São Conrado, Rio de Janeiro. Poltrona para assistir o serviço, isso mesmo, poltrona. O mecânico mediu os discos de freio com paquímetro. Revisão seguida a risca na planilha. No final o carro foi levado para lavagem antes de ser entregue. 10. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  16. 2 points
    iCardeX

    Golf Mk 8

    Estamos aí, e continuamos pisando na praia dos outros carros, com o Golf. Coisa que no território do Golf eles não conseguem competir....
  17. 2 points
    iCardeX

    Golf Mk 8

    O Golf MK7 será o meu último carro de câmbio manual. Aqui no DF, ainda é viável e até prazeroso o carro manual. Devido a nossa topologia geográfica e layout de pistas, dá para rodar a 60Km/h em sexta-marcha, e sem qualquer dificuldade. Mas confesso que o câmbio de tecnologia automática, para mim, será um caminho sem volta. Não faz sentido conectar meu cérebro, minhas 2 pernas e meus 2 braços ao carro. Meus tempos de garotão, e que gostava de conversar de igual para igual com o motor, acabou. Quero mais é paz e sossego, para ouvir música no carro, relaxar no engarramento, dançando com o pé esquerdo, enquanto tomo um suco ou refrigerante com a outra mão. Tenho usado mais o Fit justamente por conta do conforto promovido pelo câmbio, e até esqueço que o carro e todo baseado em plástico duro. Aliás, nem me importo da autonomia de 12Km/L do Fit vs 22Km/L do Golf. Uma coisa compensa a outra. E, para mim, o conforto sempre vence.
  18. 2 points
    pirce

    Quebra da Mecatrônica DSG7

    Acredito que seja pra mim a mensagem. Está com 56.000 km. Vou tentar levar numa dessas sugeridas ai e verei quanto fica a brincadeira. Estou vendo esse vídeo da AvantGarde e realmente parecem ser muito especializados nesse reparo. Gostei bastante.
  19. 2 points
    anghinoni

    Quebra da Mecatrônica DSG7

    Aqui em São Paulo, você pode procurar a automatik, avantgarde, edermatic. Opções não faltam. Abraços. Enviado de meu SM-G985F usando o Tapatalk
  20. 2 points
    Salve pessoal. Comprei uma variant 2016 sem a tampa retrátil do porta malas e estou em busca, mas só encontrei usada e no ML. Já procurei em duas concessionárias e não encontrei. Alguém sabe aonde adquirir ou alguém que faça nos moldes da original, por favor? Obrigado!
  21. 2 points
    iCardeX

    Alemão ou mexicano

    Além das observações do [mention=1118]Jorge Jox[/mention], acrescento que o nível construtivo é absolutamente igual, seja ele Brasileiro, Mexicano ou Alemão. Muda uma besteira ou outra no acabamento, mas nada de excepcional. Apenas a questão que nas versões Highlines, quando não vinham com os bancos em couro, eram de tecido de boa qualidade, mesclado com partes em alcântara, que era realmente algo diferenciado. Tem gente que enche a boca para falar que tem um Golf Alemão como se tivesse pego a última cereja do bolo. Uma besteira sem fundamento nenhum. Costumo soltar um: "Grandes merda" para quem enche a boca para dizer que tem um Golf alemão. Eu tenho um, e daí??? Em verdade voz digo: se tens um modelo alemão, pegou a primeira versão dos Golfs MK7, e, naturalmente, sem a revisão de fabricantes/fornecedores de peças para VW. E aqui listo: *Bomba dágua costuma dar problemas. * Acabamento cromado da manopla do câmbio costuma descascar. * lentes dos faróis de neblina simplesmente craquelam (micro-rachaduras por dentro) * Câmbio DSG, estatísticamente, tem uma maior amostragem de travamento. O que mais tem é o modelo Alemão com câmbio travado ou que precisou substituir a mecatrônica, até mais de uma vez. * Terceira Luz de Freio (em led) costuma queimar. Na verdade, não queima, é um diodo dentro do circuito controlador dela que vai para o saco, e faz com que os leds parem de funcionar. * Anéis de vedação do tubo de pressurização do turbo compressor costumam apresentar problemas. * Porta-malas costuma entrar água no compartimento do estepe. Os supostos "melhores" Golfs foram os modelos comercializados entre 2013 e final de 2014: tinha freio eletrônico, suspensão multilink e lanternas traseira em led, de série, em todas as versões. É bom dar uma olhada nos recalls que podem ter passado desapercebido pelo antigo proprietário: https://vwapps.volkswagen.com.br/Recall
  22. 2 points
    RodrigoSP2

    Golf MK7 1.0 TSI

    Concordo e coloco mais um ponto: se o objetivo for performance, por que comprou um 1.0 TSI e não um 1.4 ou mesmo um GTI? Desculpa a sinceridade, mas pra mim gastar dinheiro com esses upgrades é uma atitude pouco inteligente (economicamente)quando se pode partir pra carros mais potentes por um valor igual ou inferior. Enviado de meu SM-G9600 usando o Tapatalk
  23. 2 points
    iCardeX

    Gasolina Golf TSI

    DT CLEAN é somente um nome bonitinho para a gasolina com detergente. O recomendável é se informar com o antigo proprietário se ele usava gasolina aditivada (detergente), comum ou a Premium (que contém detergente também). Se ele sempre abasteceu com gasolina COMUM, e você pretende utilizar gasolina aditivada isso poderá acarretar problemas. O detergente pode dissolver muito bruscamente as sujeiras residuais no tanque, e conduzir para os bicos injetores do motor, o que pode provocar o entupimento dos mesmos. O ideal, para esse caso, seria criar proporções entre a aditivada e a comum, durante uns 5 tanques, para dissolver menos agressivamente os resíduos acumulados dentro do tanque que usava gasolina comum, até que finalmente se use a gasolina completamente aditivada.
  24. 2 points
    anghinoni

    [Tutorial] Atualização GPS

    Vish! Vou dar uma pesquisada pra ver como é... Mas creio que seja o mesmo procedimento dos Golfs... Enviado de meu SM-G985F usando o Tapatalk
  25. 2 points
    iCardeX

    TROCA DE BATERIA

    Pode tirar os polos da bateria, e trocar a bateria com o carro DESLIGADO, e totalmente sem pressa. O Golf não é uma bomba-relógio não. Depois de trocar a bateria, basta esterçar o volante para a esquerda, depois para a direita. E rodar uns 30 metros.... O sensores se estabilizam automaticamente. Já troquei a bateria do meu carro 2 vezes. Não há mistério nenhum. Em tempo: inventa esse negócio não, de trocar a bateria com o carro ligado! Se dê merda (curto-circuito, por exemplo), te prepara para uns R$ 5.000,00 ou R$ 10.000,00 de prejuízo. E não vá pensando que o sujeito que vai trocar a bateria tem cacife para bancar esse tipo de prejuízo não....
  26. 2 points
    iCardeX

    MECATRÔNICA CAMBIO DSG

    Na boa, não tem argumento que se apresente que salva a postura VW. O câmbio é problemático e deveria sim ter recebido o recall nacional/mundial para o reparo. A questão não é ter se passado 2 ou 3 anos do fim da garantia. Milhares de proprietários tiveram esse problema no câmbio DSG justamente no período vigente dela. Teve gente que trocou o câmbio e foi mais de uma vez. Reclameaqui, todo o santo dia tem um proprietário reclamando desse câmbio travado, dos custos de reparo, e da negativa da VW em resolver o problema. Então, convenhamos que é um problema reconhecido, inclusive, pela própria da VW que até veio com essa desculpa esfarrapada de troca "em cortesia" após o fim da garantia de 3 anos. Cortesia após o fim da garantia???? E essa história de "cortesia" é o caralho. O nome disso é simplesmente produto com vício oculto. Venderam um BO no nosso mercado e ainda ficam se esquivando descaradamente da responsabilidade. O que me admira é ninguém ter postado nenhum caso de ganho judicial contra a VW para servir de base de jurisprudência para outros processos.
  27. 2 points
    iCardeX

    MECATRÔNICA CAMBIO DSG

    Bendita foi a hora, em 2013, que abri a mão de ter o Golf com o câmbio DSG. Também, bendida foi a hora que abri a mão de ter o Focus com DSG. Quem diria que o "patinho feio" (câmbio manual) ia virar item cobiçado no Golf. Lembro que nem tive que esperar em fila nenhuma: paguei e na semana seguinte já estava com o carro na garagem. Ninguém queria o Golf de câmbio manual.
  28. 1 point
    Em um processo no TJDFT
  29. 1 point
    RodrigoSP2

    Golf MK7 1.0 TSI

    Seguem algumas fotos: Enviado de meu SM-G9600 usando o Tapatalk
  30. 1 point
    Meu caro, que susto! Você correu risco de morte ao invadir a pista contrária. Entendo que a VW seria responsável por esse acidente, que poderia terminar em tragédia. A VW tem ciência deste problema no câmbio e não assume a responsabilidade. Pelo contrário, em algumas vezes se faz de cortês cedendo a substituição mediante um pagamento parcial com apenas a mão de obra ou mesmo a gratuidade na solução do problema. Até quando vai persistir essa irresponsabilidade? Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  31. 1 point
    lembre-se q vc estará comprando um carro pronto pra trocar correia dentada, seria uma ótima ideia fazer aquela preventiva de sede de válvulas tb e essa questão do antigo dono estar justificando o problema em razão de combustível ruim seria um baita ponto de atenção! De resto nem se compara, o Golf é muito mais carro que o Polo!
  32. 1 point
    Humm, entendi. Não sei te informar. Cortesia na VW é loteria. Depende do empenho do consultor no desenvolvimento do relatório enviado à montadora e da vontade dela. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  33. 1 point
    Jorge Jox

    Aquecimento Golf 1.4 TSI Alemão 2014

    Parece que a sua bomba d'água principal foi pro saco. Em rotação mais elevada não consegue dar vazão. Difícil isso acontecer. Mas pode acontecer. Esquece esse negócio de clima brasileiro. Quando um carro é projetado ele é testado nos lugares mais quentes que existe. O Brasil é pinto perto desses lugares. O carro quando é "tropicalizado" para ser comercializado no Brasil, se mexe em algumas coisas. Arrefecimento está fora dessas alterações. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  34. 1 point
    caio cartaxo

    Golf Mk 8

    Com certeza, assim que eu fizer a viagem a ushuaia com ele, faço questão de contar a experiencia aqui, no meu roteiro são 14mil km em 1 mes e 10 dias.
  35. 1 point
    iCardeX

    Golf Mk 8

    Eu amo dirigir. Aqui no DF, como te disse, é algo prazeroso porque as pistas são fluídas. Vou para tudo quanto e lugar com os meus carros. Escravizei todos eles. Aliás, acredito que quebrei (ou comecei a quebrar) a barra estabilizadora da direção do Golf, enfrentando justamente território hostil aonde o Renegade e Duster imperavam, lá em Alto Paraíso. Estressei os componentes mecânicos do carro até o limite da sensatez, e paguei o preço. Mas enquanto eu enfrentava montanhas esburacadas, enquanto o carro se negava a retorcer o chassi, enquanto ia fazendo aquele controle sinuoso da embreagem, enquanto o controle de tração ia queimando as pastilhas de freio, me veio a cabeça porque diabos eu não estava num carro automático. Claro que eu tava cagando para a declividade da montanha e para os componentes, o que me preocupava era mais a tensão na perna que controlava a embreagem. Porque o Golf 1.4L tem o câmbio levemente pesado. Enfim, carro é muma máquina foi feito para usar. Quando eu morrer não vai ter carro, não vai ter pista, não ter porra nenhuma de planeta para eu desfrutar. Entao, se eu estou aqui, melhor fazer bom proveito. De uma coisa tenho certeza: na pista de asfalto o Golf reina. Em tempo: estou pensando em trocar o Fit por um Q3 1.4L. O preço do Q3 usado está convidativo. Vou lá naquela porra e rasgar a montanha com ele.
  36. 1 point
    caio cartaxo

    Golf Mk 8

    Entendo perfeitamente, e acho de verdade que faz total sentido num ambito geral essa migração pro cambio automatico, ainda mais na cidade que eu vivo, RJ capital, que tem um transito tenebroso. Pra massiva maioria dos compradores, o carro é um mero elemento de transporte e status social, então, se na parte do transporte há como deixa-lo mais simples de operar/confortalvel, é claro que isso vai dominar o mercado. Pessoas entusiastas do ato de dirigir como eu são poucas e por mais que queiramos que haja a opção do cambio manual o volume de vendas não justifica uma empresa desenvolver e/ou adicionar essa opção aos seus veiculos gerando mais custo de projeto e/ou de linha de produção. Só existe ainda na europa porque lá há de fato um mercado maior para carros mais caros com câmbio manual. Pessoalmente, mesmo pegando transito na ida pro trabalho, não tenho desejo nenhum por carros automaticos, hoje em dia não sinto tanto a diferença no conforto, mas sinto demais a falta de controle sobre a maquina que o automatico trás, não consigo mesmo me entender com os automaticos, sinto que até dirijo pior, porém eu sei que no futuro, serei obrigado a ir para eles, dado a falta de opções de no mercado e o meu carro ficar velho e por conseguinte chegar a um nivel não tolerável de confiabilidade/disponilidade.
  37. 1 point
    caio cartaxo

    Golf Mk 8

    Também sinto isso, e não só com o golf, com a maioria dos carros, vejo o acabamento piorando muito e é algo que pra mim faz bastante diferença. Pior é que eu não gosto dessa tecnologia toda que andam colocando nos carros, o nivel de tecnologia do meu mk7 é mais do que suficiente pra mim, detesto esses painéis digitais, acho a parada mais tosca da industria atual. Meu pai tem um jetta R-line 19/20 e sempre que ando me incomodo com o painel digital e com o acabamento porco do carro, chega a ser ridicul o acabamento do carro que custou 115mil e tem um acabamento mto pior que meu golf 1.0 fora o isolamento acustico ridículo, e o cambio auto(que me incomoda profundamente, acho essa caixa tiptronic uma merda, mas é exigencia de mercado, ai não tem como reclamar muito com a VW) Eu gostaria de dirigir o golf 8 e se tivesse versão manual até poderia pensar em comprar justamente pra não ficar com um carro "velho" visto que mesmo tendo $$ não tenho nenhum interesse em trocar meu 1.0 mk7 nem tão cedo justamente por não ter algo que me atenda da mesma forma. (os mk7.5 só vieram automatico, o que é uma pena, pq compraria um mk7.5 manual tranquilamente.)
  38. 1 point
    Fernando Bardamu

    Golf Mk 8

  39. 1 point
    ronaldoplopes

    OLEO MOTOR TSI 1.4

    Interessante a tabela hein, bem estranho, no meu caso meu carro é um tsi 2013/2014depois de tanto tempo de uso de 5w40 teria que mudar pra esse 0w30... não vou nao. Eu vou continuar com o 5w40 que atenda a norma vw50200 geralmente coloco castrol ou motul.
  40. 1 point
    RodrigoSP2

    Computqdor de bordo

    Olha se a opção Velocidade está habilitada no computador de bordo. Na CMM, apertar o botão car e ir em opções Depois entrar no menu Instrumento Combinado Vai aparecer as opções do que aparece ou não no computador. Veja se esta marcado Velocidade. Enviado de meu SM-G9600 usando o Tapatalk
  41. 1 point
    Castrow

    Problema no farol (xenon)

    Valeu, anghinoni. Estou tentando encontrar algum vendedor confiável no ML. Liguei na CCS e pediram 2300 em uma lâmpada, já com desconto.
  42. 1 point
    Olá amigos Criei este tópico para escrever uma análise detalhada das configurações de suspensão que usei nos últimos meses. Espero que seja útil, pois quando eu estava pesquisando sobre molas e amortecedores foi difícil encontrar reviews com fotos, opiniões, comparações entre conjuntos de molas e amortecedores. Em um tópico anterior eu relatei que estava achando o VW lowering kit macio demais para meu gosto Por isso decidi investir nos Bilstein B8 para usar com essas molas, o comportamento do carro realmente melhorou muito. Eu achei que tinha chegado no acerto ideal. No entanto, depois de alguns meses usando esse conjunto, percebi que ele ainda não tinha o acerto esportivo que eu estava procurando. A suspensão não oscilava igual quando tinha os amortecedores originais, mas ainda reagia meio devagar nas imperfeições em velocidade de rodovia. Além disso, a minha preferência pessoal é por um ajuste de suspensão mais rígido. Pensando em usar todo o potencial dos amortecedores Bilstein B8, decidi trocar as molas VW lowering kit pelas H&R Sport. Antes de escrever sobre as características dessas molas, vou fazer um comparativo com fotos do "antes e depois" de todas as combinações de molas e amortecedores que usei. 1) Molas e amortecedores originais Eu medi a distância do cubo de roda até a borda do para-lamas da seguinte maneira (FL, RL, FR e RR indicam o eixo e o lado de cada medição, front left, rear left, front right e rear right): FL: 39,0cm RL: 39,2cm FR: 38,1cm RR: 40,3cm Para ignorar os desníveis do piso, utilizei a média das distancias por eixo: F: (39,0 + 38,1) / 2 = 38,55cm R: (39,2 + 40,3) / 2 = 39,75cm Vou usar esses números para comparar com os próximos setups. As diferenças de alturas sempre serão comparadas com a altura original. 2) VW Lowering Kit + amortecedores originais FL: 34,5cm RL: 36,0cm FR: 34,5cm RR: 35,6cm Rebaixamento médio por eixo: F: 38,55 - 34,5 = 4,05cm R: 39,75 - 35,8 = 3,95cm 3) VW Lowering Kit + Bilstein B8 FL:34,1cm RL:36,3cm FR:34,5cm RR:36,3cm Rebaixamento médio por eixo: F: 38,55 - 34,3 = 4,25cm R: 39,75 - 36,3 = 3,45cm Como podemos ver na imagem e confirmar pelos números, existe uma diferença de altura considerável entre a dianteira e a traseira depois de instalar os Bilstein. 4) H&R Sport + Bilstein B8 FL: 35,0cm RL: 35,5cm FR: 35,0cm RR: 35,5cm Rebaixamento médio por eixo: F: 38,55 - 35,0 = 3,55cm R: 39,75 - 35,5 = 4,25cm Apesar dessas molas rebaixarem mais o eixo do traseiro, as medições indicam um leve rake positivo, mesmo com o meu carro sendo câmbio manual. A maioria das reviews que eu li sobre a H&R Sport diziam que o carro ficava com rake negativo (traseira mais baixa que dianteira) e como isso atrapalha o visual. Talvez o Bilstein B8 tenha alguma influência na altura do carro, ou as pessoas podem ter escolhido o código das molas errado para a carga máxima por eixo dos seus carros. Sobre a dinâmica do carro, o carro transmite uma sensação mais esportiva agora. Está bem mais firme do que era com o VW Lowering Kit ou com o conjunto original. A suspensão copia a superfície com perfeição, você sente mais o contato do pneus, de maneira bastante isolada. Isso implica numa dirigibilidade mais precisa ao custo de sentir mais o impacto das imperfeições. Na minha opinião, o carro ainda tem um bom nível de conforto. Não é o mesmo conforto que tinha com o VW Lowering Kit, mas a dirigibilidade é realmente muito superior. Tem muito menos inclinação da carroceria, mergulho durante as frenagens e agachamento nas acelerações. A suspensão reage rapidamente às mudanças na superfície e a direção está muito precisa. As situações que eu reclamei anteriormente parecem ter sido resolvidas com esse conjunto. O carro atinge o equilíbrio rapidamente após passar por ondulações em alta velocidade, não há sensação de flutuação e oscilação. Faz pouco mais de uma semana que estou usando este setup, ainda há muito o que testar.
  43. 1 point
    Jorge Jox

    Golf MK7 1.0 TSI

    @RodrigoSP2, blz? Filtro esportivo é um assunto muito polêmico. Muitas vezes não dá ganho nenhum e só faz mudar o ronco do motor. Já vi em vídeo e já li em revista especializada testes comparativos em que não apresentou nenhum ganho, ou algo abaixo de 2%. Mas os preparadores sempre agregam filtros esportivos aos seus pacotes de partida. É uma forma de aumentar o lucro. Vejo como placebo. Já assisti em vídeo no YouTube um barbudo conhecido explicando sobre um filtro um box. É uma empresa muito famosa no ramo. Ele falou coisas, que creio nem saber do que se tratava. Digo isso porque ele entrou no assunto de "mecânica dos fluidos". Ele não citou essa parte da física e creio que nem sabe o que é, porque falou algumas besteiras. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  44. 1 point
    RafaTRT

    Golf MK7 1.0 TSI

    Concordo com seu ponto de vista, mas no caso eu só queria o filtro intake e o escape mesmo! Não penso em remap ou qualquer tipo de chip, de resto só estética mesmo
  45. 1 point
    caio cartaxo

    Golf MK7 1.0 TSI

    Fala @RafaTRT bem vindo ao forum! Então, eu tenho um 1.0 tsi e estava nessa de pensar em fazer upgrades, mas sempre fiquei meio receoso com esses ganhos que o pessoal fala pela internet, ainda mais pra um motor tão pequeno e com uma turbina minuscula. Semana passada tive a oportunidade de andar em um golf como o nosso com Stage 2 (reprogramação ,filtro e downpipe) e sinceramente pra mim é dinheiro jogado fora, o carro já tem um motor hiper bem dimensionado pra turbina pequena que usa(como eu já esperava), o que percebi foi que o carro ficou mais fraco de baixa rotação, ganhou muito pouco de média, e praticamente não mudou de alta, pro meu estilo de uso, o carro só ficou pior. (pra mim foi bem óbvio que os ganhos no dinamômetro eram inflados). De upgrade no meu radar só tenho os bancos do golf gti que estou na procura, visto que sinto falta das laterais mais pronunciadas, dando mais suporte. Quanto escape não gosto de carro barulhento então não posso te ajudar.
  46. 1 point
    RafaTRT

    COMPRO TUDO QUE FOR DE PEÇA PRO 1.0 TSI

    Boa noite, Compro peças que são para o 1.0 TSI, escape, filtro, etc...
  47. 1 point
    Gabriel Nascimento

    MECATRÔNICA CAMBIO DSG

    Essa é uma questão delicada. Querendo ou não, muitos dos Golf TSI aqui do grupo estão virando 7 anos de uso, mais de 100mil km. O carro está a mais tempo fora da garantia do que passaram cobertos por ela. O carro apresenta sim um problema crônico na peça, mas não da pra ignorar o tempo de uso dele. Uma hora a responsabilidade da montadora acaba. Dos dois carro com DSG7 (DQ200) que tive, ambos eu tinha ciência que eles pderiam dar problema a qualquer hora. Meu atual GTI já deu problema na alavanca do câmbio, sei que a bomba d'água é questão de sorte, mas estou preparado pra essa eventualidade. Muitas vezes as pessoas compram o carro e não levam em consideração o custo de manutenção. Problemas crônicos devem entrar nessa conta. GTIs tem problema crônico de bomba d'água e alavanca de câmbio, BMWs da geração passada tem problemas de comunicação de módulos eletrônicos, Land Rover precisa sacar todo o power train pra trocar a correia dentada. Tanto o custo de manutenção como eventuais problemas precisam ser considerados antes de comprar o carro. A cortesia ocorre em casos bem específicos, no geral em carros que sempre fizeram a manutenção na concessionária e com clientes que tenham um bom relacionamento com a mesma. Se sua cortesia foi negada não tem muito a ser feito. Tem várias oficinas especializadas com manutenção desse tipo de câmbio. O reparo que antes era de certa forma proibitivo, girando na casa dos 10 mil reais, hoje é por volta de 4. Caso não esteja conformado você pode entrar na justiça alegando vicio oculto e pedindo para que a montadora arque com o custo que você teve com reparo, mas nesses casos o jogo vai longe.
  48. 1 point
    Jorge Jox

    Retrofit mib2 discover pro e drive profile

    O seu com certeza é um alemão. A roda-livre foi suprimida mas versões posteriores. Detestei o modo eco. Testei e não usei nunca mais. Enviado de meu SM-A520F usando o Tapatalk
  49. 1 point
    Eu adoro os modos de condução. Eu uso o eco na estrada, quando viajo de boa, e o normal ou Sport quando estou com mais pressa. Mas 80% no eco, dá pra economizar bastante combustível. Na decida vc coloca no eco, e ele desce na banguela embalado. Na cidade eu uso mais o normal, pra ser mais ágil. O sport só pra ultrapassagem ou pra uma pegada mais esportiva.
  50. 1 point
    Peguei com 43.000. Nunca havia sido trocado. Ainda bem que foi dentro da garantia, menos mal eu acho ...